Avaliação da deformação dos instrumentos do sistema oscilatório tilos por microscopia eletrônica de varredura

Evaluation of deformation of oscilatory instruments tilos by scanning electron microscopy

Resumo

Avaliar sob microscópio eletrônico de varredura, a presença de deformação, na superfície da parte ativa dos instrumentos endodônticos oscilatórios do sistema Endo Eze TiLOS, antes e após utilização, em canais simulados de blocos de resina. Para isso, cada kit de instrumentos Endo-Eze TiLOS foi utilizado em nove canais simulados e, avaliados antes de ser utilizados, bem como após cada três canais instrumentados. Os instrumentos submetidos à análise em microscópio eletrônico de varredura foram o 0.13/0.03 (aço inox) e o 25/0.04 (níquel-titânio). Desta forma, depois da análise inicial, os instrumentos foram esterilizados e submetidos ao preparo dos canais simulados. Seguidamente, após cada três canais instrumentados, eles foram observados em microscópio eletrônico de varredura e as imagens analisadas quanto à presença de alterações. O procedimento foi repetido após instrumentar seis e nove canais simulados. Os dados obtidos foram submetidos à análise estatística. Os resultados mostraram que em relação aos defeitos de superfície para os instrumentos de níquel-titânio não houve diferença estatística significante. Já para os instrumentos de aço inox, houve diferença estatística significante entre as imagens iniciais e aquelas obtidas após instrumentar seis e nove canais simulados. Em relação à deformação das espiras, foi possível observar que não houve diferença estatística entre as diferentes avaliações nos instrumentos de níquel-titânio. Entretanto, para os instrumentos de aço inox, foi observada diferença estatisticamente significante apenas entre as imagens iniciais e as obtidas após instrumentar seis e nove canais simulados. Houve um aumento progressivo na presença de defeitos conforme o instrumento foi utilizado.

Palavras-chave

Endodontia. Microscopia eletrônica de varredura. Instrumentação.

Abstract

The aim of this study was to evaluate deformation in endodontic instruments Endo-Eze TiLOS, using a scanning electron microscope (SEM). The instruments were analyzed before and after use on simulated canals in resin blocks. 36 blocks divided into four groups, each containing nine units, were used. The instruments were used three times on each group and each test included use on three blocks. Before beginning, the stainless steel 0.13/0.03 instrument and the NiTi 25/0.04 instrument were analyzed by SEM. After analysis the instruments were sterilized by autoclave and used to prepare the simulated canals. After usage, the instruments were observed by SEM and sterilized, until three tests had been done. The pictures were analyzed in order to evaluate whether any damage had occurred. The results were submitted to ANOVA e Tukey statistic tests. No surface defect found on NiTi instruments was statistically significant. As for the stainless steel instruments, there was a statistically significant difference between the initial and second usage, and the inicial and third usage. Regarding deformation of the spiral, no statistical difference was found during evaluation of NiTi instruments. Stainless steel instruments however, showed a significant difference only after the third usage. The defects increased as the instrument was further used.

Keywords

Endodontics. Microscopy, electron, scanning. Instrumentation.